10 dicas para ajudar a criança a se tornar leitora

O que a criança aprendeu com aquela história? Ela está conseguindo acompanhar a leitura? Devo buscar livros com mais ou menos texto? Quando apresentar enredos mais complexos? Conheça dicas e ferramentas para conseguir avaliar o desenvolvimento de leitura da criança e ajudá-la a se tornar leitora.

É fundamental que os pais ou o adulto responsável dediquem tempo para acompanhar o desenvolvimento de leitura da criança. E para isso, o Clube de Leitura Quindim relacionou 10 dicas e ferramentas que irão ajudá-los nesse importante processo:

  1. Crie momentos de leitura compartilhada. De preferência, estabeleça uma rotina em que você leia junto com a criança por no mínimo 3 vezes por semana.
  2. Negocie com a criança a escolha de livros. É importante que ela participe da escolha dos livros que deseja ler, mas também cabe ao adulto apresentar obras que possam desafiar a criança nesse processo de leitura.
  3. Deixe a criança livre para o seu momento de leitura, sem julgar e nem estabelecer um padrão de leitura. Não crie regras do tipo ter de ler sentado, deitado, na sala, na cozinha ou no quarto.
  4. A leitura de uma boa história é um momento de entrega da criança e do adulto à magia da ficção. Então, ambos precisam estar à vontade e confortáveis em um lugar que traga segurança, já que irão vivenciar novas experiências.
  5. Busque ouvir mais do que falar sobre o livro e a história.
  6. Faça perguntas para as crianças que possam trazer respostas além de “sim” ou “não”.
  7. Observe a criança nos detalhes. Os detalhes podem entregar as principais chaves que abrem um universo de questões sobre o comportamento leitor da criança.
  8. Tenha um “diário do leitor”, como o do Clube de Leitura Quindim, que foi desenvolvido com especialistas em literatura infantil e juvenil. Entregue no primeiro mês da assinatura, o Diário do Leitor, do Clube Quindim, é um espaço em que a criança, sozinha ou acompanhada de um adulto, poderá registrar de diferentes formas como foi a sua experiência de leitura, quais os personagens que mais marcaram, fazer críticas ao livro, repensar a história, entre outras possibilidades. Um espaço que contribui não só para fixação do que captou sobre a história, mas também para subversão dessa história e construção de uma nova a partir do repertório da criança. Já para o adulto, o Diário do Leitor é um relevante instrumento para perceber, a cada mês, o comportamento leitor da criança e o seu desenvolvimento.
  9. Busque apoio de especialistas ou de um clube de leitura que ofereça expertise. O Clube de Leitura Quindim, por exemplo, envia todo mês, junto do livro, o “Mapa de Leitura”, com informações sobre a obra (texto, ilustração, projeto gráfico, autores etc.), sobre gêneros literários, temas e possibilidades de leituras, dicas de diversão com o livro e para além dele, tornando-se um importante guia para ampliar o conhecimento e a formação do adulto e da criança.
  10. Dê o exemplo e não desista. O exemplo é o melhor modo de educar. Leia, espalhe seus livros pela casa, fale sobre o que está lendo nas refeições em família, trate desse universo com paixão. Isso irá contagiar a criança e criar curiosidade para que ela mergulhe com você no mundo da literatura.

 

 

Volnei Canônica é formado em Comunicação Social – Relações Públicas pela Universidade de Caxias do Sul, com especialização em Literatura Infantil e Juvenil também pela Universidade de Caxias do Sul, e especialização em Literatura, Arte do Pensamento Contemporâneo pela PUC-RJ. É diretor do Centro de Leitura Quindim e colunista do Publishnews.  Ex-diretor de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, do Ministério da Cultura. Coordenou no Instituto C&A de Desenvolvimento Social o programa Prazer em Ler. Foi assessor na Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ). Na Secretaria Municipal de Cultura de Caxias do Sul, assessorou a criação do Programa Permanente de Estímulo à Leitura, o Livro Meu. Também foi jurado de vários prêmios literários.

6 thoughts on “10 dicas para ajudar a criança a se tornar leitora

  1. Como futura Bibliotecária, achei bem interessante essas 10 dicas de incentivo à leitura. É de pequeno que se forma um leitor.

  2. Boa tarde!
    Eu gostaria que enviassem para o meu e-mail a amostra do Diário de Leitura.
    Desde já, agradeço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *